ProNautica Lanchas & Jet Ski
 
veja na ProNáutica

 

Chave corta-corrente

Motor de arranque

Cabo de Tow-in

Biela Hot Rods
Biela kit Pro-X


Roupa de neoprene
Jet Pilot



Luvas jet pilot



ProNáutica -
para peças e acessórios
consulte :
Tel.: (0xx48) 3232-9173
3235-2222 /
Fax: 3232-1963

ProNáutica    >   Entrevistas, reportagens & depoimentos
 Competições: e-News - cadastre-se | Perfil dos Pilotos | Entrevistas | Todas as notícias


>
Alexandre Sampaio - Xan

17/09/2007

Alexandre Samapaio é um dos freeriders que competiram no 9° Jet Waves World Championship, que aconteceu entre os dias 7 e 9 de setembro de 2007, na Praia Brava, na cidade de Itajaí, em Santa Catarina/BR. Confira o relato!

Participaram do 9° Jet Waves World Cahmpionship, cerca de 30 pilotos. Desses, a maioria tem atividade profissional fora da área esportiva. O que não é o caso de Alexandre Sampaio, de 30 anos, que tem a vida voltada para o esporte. O envolvimento dele não se resume ao freeride.

Ele se divide entre motos, wake surf, wind surf, fazendo um pouco de cada, dando aulas, fazendo shows, curtindo o esporte. O jet ski entrou vida de Alexandre há uns 15 anos. No Jet Waves, que aconteceu na Praia Braça, em Itajaí, Santa Catarina/BR, ele teve alguns problemas com seu jet.

Pouco antes da competição ele vendeu o jet que tinha, por isso teve que montar outro, de última hora, para o campeonato. Só conseguiu terminar a montagem às cinco e meia da manhã de sábado. Quando foi para a praia ainda faltavam umas peças e por isso, perdeu a primeira bateria.

Mas ele foi para o last chance e contou com o apoio de pilotos que ajudaram de alguma forma na montagem. Com toda essa correria não conseguiu parar para notar muita coisa do evento, mas diz estar satisfeito com a organização. Segundo Xan, como é conhecido, o nível dos pilotos está alto, o que torna a competição ainda mais difícil para ele.

O freerider já participou quatro vezes do Jet Waves. A primeira em 2003, sem compromisso. Já em 2004, 2005, 2006 e agora em 2007, compete de verdade. Para ele o que não pode faltar num competidor de freeride "é paciência. Na verdade é um conjunto de coisas que não podem faltar. Mas acho que paciência é fundamental porque é 'de lei' você chegar no campeonato e ter algum problema com o jet ou coisa do tipo, tem que ter paciência e jogo de cintura para agüentar o ritmo".

Equipe INEMA

Fonte: Alexandre Sampaio
Cidade: Itajaí-SC
Fotos: Nei Eugenio Maldaner
Publicado: Taína Lauck

 

clique para ver a lista de todas as entrevistas

topo

Home | ProNáutica | Jet Waves | IFWA | Notícias | PWC News língua inglesa - english Exportation Parts | Filmes | Galeria de Fotos | Colunas do Tchello

Jets à Venda | Classificados Náuticos | Acessórios | Coletes | Tapetes | Peças | Peças usadas | Jet Pilot | Tow-in | Serviços | Contato